A deusa está em festa

Por Eduardo Galeano

Hoje [2 de fevereiro], o litoral das Américas rende homenagem a Iemanjá.

Esta noite, a deusa mãe dos peixes, que  há séculos veio da África nos barcos dos escravos, se ergue na espuma e abre os braços.  O mar leva para ela pentes, escovas de cabelo, perfumes, doces, boa comida e outras oferendas dos marinheiros que por ela morrem de amor e de medo.

Parentes e amigos de Iemanjá costumam aparecer na festa, vindos do Olimpo africano:

Xangô, seu filho querido, que desata as chuvas do ceú,

Oxumaré, o arco-íris, guardião do fogo,

Ogum, ferreiro e guerreiro, valentão e mulherengo,

Oxum, a amante que dorme nos rios e jamais apaga o que escreve,

e Exu, que é Satanás dos infernos e também é Jesus de Nazaré.

Eduardo Galeano em “Os Filhos dos Dias”, Editora L&PM, 2011.

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9611 6826.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: