O Tambaqui (Colossoma macropomum), também chamado de Pacu Vermelho, é um peixe de água doce, com escamas grossas e ásperas, de coloração parda ou esverdeada na parte superior do corpo, e preta na parte inferior, variando para mais clara ou mais escura de acordo com a cor da água. Seus alevinos (filhotes), nascem de cor cinza-claro, com manchas escuras espalhadas pela metade superior do corpo.

De corpo arredondado e comprido, pode atingir 110 cm e pesar até 45 quilos, o Tambaqui é um peixe de boca pequena e de dentes muito fortes (usados para quebrar as duras castanhas, que fazem parte de sua alimentação), muito comum nos rios de águas quentes da bacia amazônica, mas encontrado também em Mato Grosso, Goiás, São Paulo, Minas Gerais e, com menor frequência, no Paraná.

É uma espécie que realiza migrações reprodutivas, tróficas e de dispersão. Durante a época de cheia entra na mata inundada, onde se alimenta de frutos ou sementes. Durante a seca, os indivíduos jovens ficam nos lagos de várzea onde se alimentam de zooplâncton, e os adultos migram para os rios de águas barrentas para desovar. Na época de desova não se alimentam, vivendo da gordura que acumularam durante a época cheia.

Embora a carne do Tambaqui tenha bom valor comercial e seja muito apreciada por ser saborosíssima e por ter poucas espinhas, e seja possível a sua criação em cativeiro com alimentação à base de ração, os pesqueiros das regiões Sul e Sudeste têm mais dificuldade em reproduzi-lo, porque é um peixe pouco resistente ao frio.

Fonte: pescaepescarialegal

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9961 1193

Comentários

%d blogueiros gostam disto: