Poemas Revolucionários

Movimento

Por Adelar PizzetaHá um movimento perfilando em cada canto, fustigando a voz que foi abafada.Há um movimento se refazendo debaixo do caldeirão, aquecendo o dia que será festejado do amanhecer até o anoitece...

O poema

Lau Siqueiradentro de mim morreram muitos tigres os que ficaram no entanto são livresFonte: Suplemento PernambucoSalve! Este site é mantido com a venda de nossos produtos. É também com a venda de...

LIVRE NÃO SOU

ConquistaLivre não sou, que nem a própria vida Mo consente. Mas a minha aguerrida Teimosia É quebrar dia a dia Um grilhão da corrente.Livre não sou, mas quero a liberdade. Trago-a dentro de mim como um destin...

Louvor do Revolucionário

Quando a opressão aumenta Muitos se desencorajam Mas a coragem dele cresce. Ele organiza a luta Pelo tostão do salário, pela água do chá E pelo poder no Estado. Pergunta à propriedade: Donde vens tu? Pergunta à...

‘Cântico do Homem’

Dies Irae'Cântico do Homem'Apetece cantar, mas ninguém canta. Apetece chorar, mas ninguém chora. Um fantasma levanta A mão do medo sobre a nossa hora.Apetece gritar, mas ninguém grita. Apetece fugir, mas ni...