Milton: Amigo é coisa para se guardar no lado esquerdo do peito

Vagando pelo Facebook neste calorento do Dia de Reis, encontro este  texto de Fabrício Carpineja, achado de uns tempos atrás da jornalista  Ionara Silva: “… Os amigos são para toda a vida, ainda que não estejam conosco a vida inteira. […] Amizade não é dependência, submissão. Não se tem amigos para concordar na íntegra, mas para revisar os rascunhos e duvidar da letra. É independência, é respeito […] O que é mais importante: a proximidade física ou afetiva?[…] Assim como há os amigos imaginários da infância, há os amigos invisíveis da maturidade. Aqueles que não estão perto podem estar dentro. […] Amigo é o que fica depois da ressaca. É glicose no sangue. É a serenidade.”

Os versos bonitos de Carpineja nos levam a outros densos versos sobre a amizade: os de Milton Nascimento, em sua famosa “Canção da América”:

“Amigo é coisa para se guardar
Debaixo de sete chaves
Dentro do coração
Assim falava a canção que na América ouvi
Mas quem cantava chorou
Ao ver o seu amigo partir
Mas quem ficou, no pensamento voou
Com seu canto que o outro lembrou
E quem voou, no pensamento ficou
Com a lembrança que o outro cantou
Amigo é coisa para se guardar
No lado esquerdo do peito
Mesmo que o tempo e a distância digam “não”
Mesmo esquecendo a canção
O que importa é ouvir
A voz que vem do coração
Pois seja o que vier, venha o que vier
Qualquer dia, amigo, eu volto
A te encontrar
Qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar”
foto: www.jungleman.com.br
Na mesma linha feliz de celebrar a amizade, o Brasil inteiro aprendeu a celebrar e a se emocionar com os versos da canção “Amigo”, de  Roberto e Erasmo Carlos, na voz inconfundivelmente terna de Roberto Carlos:Você,  meu amigo de fé, meu irmão camarada
Amigo de tantos caminhos e tantas jornadas
Cabeça de homem mas o coração de menino
Aquele que está do meu lado em qualquer caminhada
Me lembro de todas as lutas, meu bom companheiro
Você tantas vezes provou que é um grande guerreiro
O seu coração é uma casa de portas abertas
Amigo você é o mais certo das horas incertasÀs vezes em certos momentos difíceis da vida
Em que precisamos de alguém pra ajudar na saída
A sua palavra de força, de fé e de carinho
Me dá a certeza de que eu nunca estive sozinhoVocê meu amigo de fé, meu irmão camarada
Sorriso e abraço festivo da minha chegada
Você que me diz as verdades com frases abertas
Amigo você é o mais certo das horas incertasNão preciso nem dizer
Tudo isso que eu lhe digo
Mas é muito bom saber
Que você é meu amigoNão preciso nem dizer
Tudo isso que eu lhe digo
Mas é muito bom saber
Que eu tenho um grande amigoNão preciso nem dizer
Tudo isso que eu lhe digo
Mas é muito bom saber
Que você é meu amigoNão preciso nem dizer
Tudo isso que eu lhe digo
Mas é muito bom saber
Que eu tenho um grande amigofoto: www.98fmcuritiba.com.br
Anúncios

Comentários

X
preloader