O povo armado seria a solução? O poeta e cantor gigante de nosso cerrado afirma e argumenta que não. E o poeta tem razão!

Por Juraildes da Cruz 

O povo armado contra quem?

contra a violência?

Violência versus violência?

Violência não senta na mesa

não discute soluções,

a violência já é o resultado do caos

no cérebro, na alma e no coração

que poderia ser resolvido na base com educação,

quem teve educação oferece educação não oferece armas.

Um povo armado é um povo desarmado de segurança pois,

o ato de se proteger estará garantido pela bala

e um povo garantido pela bala não é um povo amado, seguro

é um povo atirado aos leões pelos desalmados,

e assim estaremos desarmados de segurança

por sermos incentivados a resolver na violência.

Em pleno século 21 cadê a sabedoria?

O mundo esta sendo conduzido a um rumo perigoso,

sem sabedoria; aniquiladas estarão as estações,

em vão terão sido os sonhos os poemas as canções

em detrimento da Ascenção do pesadelo.

Jesus nos ensinou a graça do perdão da solidariedade e do amor,

ser de luz que combatia a tortura do caráter da mentira e da opressão

e hoje vejo falsos líderes religiosos dando folego a quem faz apologia à tortura,

se Jesus combatia a tortura de caráter

porque ele apoiaria a tortura de enfiar uma agulha debaixo da unha do cidadão?

Que nos encha de esperança o sol da manhã

porque aqui nesse chão estão confundindo Jesus com Gengiskan.

Juraildes da Cruz – cantor e compositor tocantinense, desses que vive em plena comunhão com o cerrado, que se traduz em suas belíssimas composições. Traz um versejar popular com um misto híbrido de música clássica. É colaborador da Alaneg-RIDE (Academia de Letras e Artes do Nordeste Goiano e Região Integrada de Desenvolvimento do Entorno e também da Xapuri Socioambiental.

Salve! Este site é mantido com a venda de nossos produtos. É, também, com um percentual dessas vendas, que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, do povo Krenak, em Minas Gerais, do Museu Kalunga Iaiá Procópia, em Goiás e do povo Xavante, no Mato Grosso. Ao comprar em nossa Loja Xapuri, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Contamos com você! WhatsApp: 61 9 99611193.

 

%d blogueiros gostam disto: