A rejeição social vem se tornando cada vez mais evidente na sociedade brasileira, principalmente nos últimos anos, quando passaram a ser frequentes, por parte de políticos, palavras depreciativas e discriminatórias contra grupos sociais de indígenas, quilombolas, caboclos, negros, comunidade LGBTQ+, pobres, favelados etc. Essa discriminação, não só contraria os princípios de igualdade perante a lei, previstos na Constituição Federal de 1988, como também vai contra os preceitos de diferentes religiões, no que tange ao respeito ao próximo.

Salve! Este site é mantido com a venda de nossos produtos. É, também, com um percentual dessas vendas, que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, do povo Krenak, em Minas Gerais, do Museu Kalunga Iaiá Procópia, em Goiás e do povo Xavante, no Mato Grosso. Ao comprar em nossa Loja Xapuri, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Contamos com você! WhatsApp:61 9 99611193.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: