Uma Piada Governamental –

Por Padre Joacir S. D´Abadia – 

Na segunda-feira, dia 28 de maio, eu fiquei horrorizado em ver os noticiários dizendo que a redução que os caminheiros iriam receber seriam de R$ 0,46 centavos. Isso mesmo, uma grande luta por parte destes trabalhadores que levam o BRASIL nos braços dirigindo de norte a sul pra se ter uma redução de QUARENTA E SEIS CENTAVOS.

É vergonhoso para um país que tem uma das mais altas receitas do mundo oriundas dos muitíssimos impostos pagos sobre um mesmo produto falar em uma redução de centavos.

Estes mesmos trabalhadores que reivindicam seus direitos são os que serão punidos por reivindicar.

É uma piada. Será quanto ganha um promotor, juiz, prefeito, governador, deputado, senador, presidente? Será que R$ 0,46 centavos tirados de seus salários faria-lhes falta?

Estou cada vez mais convencido que no Brasil está sendo feito um conluio entre todas as instituições governamentais para não deixar ninguém trabalhar. São tantos os papéis legistas que se precisam tirar para você poder trabalhar que quando se consegue todos já chegou no final do mês.

Vivemos neste país onde se precisa tirar licença para soltar fogos de artifício, pegar um caminhão de cascalho para aterrar uma área de sua própria casa (coloco isso aqui porque pra se fazer um novo loteamento precisa de licença ambiental para tal, já não deveria esta mesma licença ser considerada pelos órgãos competentes por saber que o terreno é acidentado?)… aff! Cansa só de imaginar.

Tudo está travado. Ninguém pode trabalhar fora da lei. Contudo, a lei parece que foi feita pra não ser cumprida. Veja bem! SE dentro de uma COMARCA tem 100 advogados para entrar com processos no Ministério Público, tem uns 6 promotores e um juiz, sobre o qual se recai a responsabilidade do encaminhamento dos 100 processos. Será que a lei é pra ser cumprida?

Contudo, no Brasil o que mexe com o governo são os Centavos dos pobres. Nos últimos anos eu vi desfilar nas manchetes dos principais jornais uma grande manifestação da população dos Estados do Rio de Janeiro e de São Paulo, onde se enxergava muitas lojas sendo apedrejadas, lojas de carros sendo incendiadas por causa de uns míseros R$ 0,20 Centavos que se aumentavam nas passagens de ônibus coletivos.

Na época eu chamei o manifesto de “A Manifestação dos R$ 0,20 centavos”. Desde àquele tempo até agora são os “Centavos” que vem Sofrendo com a população. *”Com a População”,* pois me parece que os trabalhadores estão errados em paralisar e lutar por seus direitos! Ao menos foi o que eu consegui entender das entrevistas dos representantes do “Governo”.

Sabe porque de minha grande surpresa com os “Centavos”? É cômico, eu sei, mas vou dizer: o Governo tirou R$ 10,00 reias do Salário mínimo e não vi nada de manifestação ou paralisação contra a redução!

Me parece que no Brasil as coisas que valem menos são as que mais tem valor?! Assim segue esta grande Piada Governamental.

ANOTE AÍ:

 

@Padre Joacir d’Abadia, Filósofo autor de vários livros, dentre eles, o mais recente “A Incógnita de Cully Woskhin” (Palavra & Prece, 2018)

One Response

  1. Marco Antonio Neves Breithaupt

    46 centavos do preço do diesel correspondem a aproximadamente 13% de desconto. Já 10 reais do salário mínimo correspondem a aproximadamente 1% de “redução” (entre aspas porque foi o aumento do salário mínimo que foi reduzido, e não ele propriamente dito). Não tenho nenhum tipo de apreço pelo governo atual, pelo contrário, mas acho negativo quando pessoas elaboram argumentos tão cheios de falhas como nesse texto. Quando isso acontece, acabam “dando munição ao inimigo”, escancarando falta de capacidade lógica e analítica.

    Responder

Comentários

%d blogueiros gostam disto: