A Tradição dos Orixás: Valores Civilizatórios Afrocentrados

Por: Iêda Leal

Estamos apresentando este livro e documentários do mesmo título a ativistas dos diferentes movimentos sociais, praticantes da fé religiosa, professores, estudantes e público em geral com interesse em conhecer uma experiência política desenvolvida entre os anos 1980 e 1990, na região da Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, que uniu o movimento negro e os Terreiros para o enfrentamento do racismo religioso.

Os autores são os professores Luís Claudio de Oliveira da UERJ, doutor em Memória Social, e Edlaine de Campos Gomes, da UNIRIO, doutora em Antropologia Social. Eles reúnem material desde 2010 – em documentos escritos e em depoimentos, além de fotografias, muitas inclusive feitas pelo professor João Bodê, da UERJ, que compõem o registro do Projeto Tradição dos Orixás.

No centro da pesquisa está a trajetória do seu principal idealizador, o baiano Jayro Pereira, ex-seminarista, filósofo e teólogo, nascido na ilha de Itaparica, Bahia, que chega à capital fluminense em 1985.

O aspecto principal explorado pelos pesquisadores é a metodologia empregada pelo grupo de ativistas do movimento negro junto às Comunidades de Terreiros. Partindo da reconstrução oral daqueles que participaram do Projeto, evidenciam que a sua consecução teve como motor a mobilização dos adeptos contra os ataques racistas do fundamentalismo cristão neopentecostal.

Mas, para essa mobilização os seus interlocutores junto à mídia, aos demais movimentos sociais e às instituições do poder público propunham a educação política no interior dos Terreiros. Disto resultou a realização de mais de uma dezena de Encontros Regionais da Tradição dos Orixás e outros dois de dimensão estadual.


Iêda Leal
Tesoureira do SINTEGO; Secretaria de Combate ao Racismo da
CNTE; Conselheira do Coordenadora Nacional do Movimento Negro
Unificado – MNU; Vice-Presidenta da CUT-GO.

Block

Salve! Pra você que chegou até aqui, nossa gratidão! Agradecemos especialmente porque sua parceria fortalece  este nosso veículo de comunicação independente, dedicado a garantir um espaço de Resistência pra quem não tem  vez nem voz neste nosso injusto mundo de diferenças e desigualdades. Você pode apoiar nosso trabalho comprando um produto na nossa Loja Xapuri  ou fazendo uma doação de qualquer valor pelo PIX: contato@xapuri.info. Contamos com você! P.S. Segue nosso WhatsApp: 61 9 99611193, caso você queira falar conosco a qualquer hora, a qualquer dia. GRATIDÃO!

continua depois da propaganda