Basta de violência política é o apelo que faz o MNU – Movimento Negro Unificado – São Paulo. ao mesmo tempo em que se solidariza com a covereadora do PSOL -SP, Carolina Iara, que sofreu um atentado durante a madrugada desta quarta (27/1).

A violência política contra mulheres negras, especialmente as trans e travestis é algo que tem crescido no último período. O Brasil é o pais em que pessoas trans mais morrem no mundo, além do processo de genocídio da população negra cotidiano no país. Os mesmos que não querem mudar a relação do Estado frente a violência sofrida pelas pessoas negras, mulheres e LGBTs são aqueles também que não admitem que nós avancemos nas discussões de retomada de poder!

Carolina Iara não foi a primeira e não queremos que seja mais uma a sofrer atentados e ameaças sem que investigações e medidas de segurança de sua vida e de sua família sejam devidamente encaminhadas!

Carol Iara, covereadora da Bancada Feminista do PSOL sofreu um atentado na madrugada de ontem do dia 27/01, deram dois tiros para dentro de sua casa. Ela passa bem e medidas de segurança foram tomadas. A Bancada Feminista do PSOL registrou Boletim de Ocorrência na Delegacia de Proteção a Pessoa. A Bancada Feminista PSOL exige investigação sobre o fato: “Pedimos que os movimentos sociais e parlamentares enviem representantes para este momento na delegacia para exigir investigação, pois não podemos permitir que ao ocupar espaço de poder as mulheres pretas, travestis sejam silenciadas com violência”.

Soma-se a essa luta o MNU – Movimento Negro Unificado. Basta de violência política.

Fonte: Iêda Leal de Souza via MNU

Salve! Este site é mantido com a venda de nossos produtos.
É, também, com um percentual dessas vendas, que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, do povo Krenak, em Minas Gerais, do Museu Kalunga Iaiá Procópia, em Goiás e do povo Xavante, no Mato Grosso.
Ao comprar em nossa Loja Xapuri, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Contamos com você! WhatsApp: 61 9 99611193.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: