Escritora faz tirinhas sobre cultura negra e empoderamento

O objetivo da série de tirinhas é mostrar o potencial das histórias na construção de referências positivas para crianças negras

Por Mariana Lima/REDAÇÃO OBSERVATÓRIO 3º SETOR

A escritora e pesquisadora Kiusam de Oliveira transformou a personagem principal de seu livro infantil ‘O mundo no black power de Tayó’ em protagonista também de uma série de tirinhas.

Kisusam é autora de outras obras que retratam a cultura negra para o público infantil, como ‘Omo-oba: histórias de princesas’ e ‘O mar que banha a ilha de Goré’.

A apresentação da história de Tayó em tirinhas tem como objetivo reafirmar o potencial das histórias para a construção de referências positivas para as crianças.

Nas tirinhas, Tayó é uma menina que interage com situações que colocam em destaque sua capacidade para se perceber como uma mulher negra em formação em uma sociedade racista.

Nos diálogos entre os personagens, a autora chama atenção para o papel que o adulto pode exercer para proporcionar o empoderamento infantil.

A autora optou pelas tirinhas por oferecerem uma comunicação mais ágil e direta para adultos e crianças. Em uma das tirinhas, Tayó chega da escola e conta para a mãe que aprendeu que os negros são descendentes de escravos.

A mãe da menina então mostra para ela uma parede cheia de quadros de personalidades negras históricas e questiona a filha sobre o que ela vê. A personagem diz: “A professora se enganou, né, mãe?”.

A meta é que a partir desta exposição pais e filhos consigam dialogar sobre o tema de uma forma mais lúdica e sensível. No total, 6 tirinhas estão disponíveis.

Fonte: Observatório 3º Setor via Lunetas

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9611 6826.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: