Cientistas israelenses criam bafômetro que identifica coronavírus

Para identificar a doença, a pessoa deve soprar o dispositivo por quase 1 minuto

Por: Redação

Pesquisadores da Universidade Ben-Gurion, em Israel, criaram um aparelho capaz de detectar a presença do novo coronavírus no organismo humano em apenas um minuto. O dispositivo funciona de forma semelhante a um bafômetro, ferramenta utilizada para medir níveis de etanol no sangue.

Para identificar a doença, a pessoa deve soprar o dispositivo por quase 1 minuto. Os sensores analisam as partículas da respiração e fornecem o resultado em 20 segundos, mesmo que a pessoa seja assintomática.

O sistema desenvolvido pelo pesquisador também permite que o teste seja feito com amostras biológicas de garganta e nariz por meio de cotonetes.

De acordo com Gabby Sarusi, vice-diretor de pesquisa da Escola de Engenharia Elétrica e Computação da Universidade Ben-Gurion, as principais vantagens desse método de testagem são a precisão, rapidez e o custo.

O valor estimado para cada avaliação corresponde a 50 dólares e o resultado sai em menos de um minuto. O processo ainda dispensa o manuseio de amostra ou uso de reagentes.

Fonte: Catraca Livre

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9961 1193.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: