Bolsonaro está muito doente

 
Diferentemente do que se esperava, o 15 de março não foi o protesto que, maior ou menor, poderia ter apontado os rumos da disputa política no país, confrontando bolsonaristas e oposicionistas. Acabou esvaziado, e não se sabe se pelo coronavírus ou pela redução numérica da infantaria bolsonarista diante dos fracassos e desmandos do governo. Tampouco será possível aferir o tamanho do outro lado, já que as manifestações convocadas foram desmarcadas em função da pandemia.
continua depois da propaganda