Do post de um amigo, que prefere não se identificar, para reduzir o risco de ataque da milícia digital do chefe da turma, um roteiro das prováveis consequências  da turminha do voo de Miami.

  1. Alguém que contrai o covid19 e se isola acaba transmitindo para uma pessoa, em média. Quem não se isola, passa para 6.
  2. Com base nessa conta, turminha do voo pra Miami acompanhando o presidente que se contaminou era de 25 pessoas que não se isolaram, e passaram cada um para 6.
  3. Assim 25+150 pegaram, que depois passaram para uns 3 cada um. Ou seja, 175+450 pessoas pegaram. Pronto, já passou de 400 (a contagem atual de Brasília).
  4. Claro que está subnotificado, porque o pessoal foi pra manifestação, o presidente doente fez questão de passear e transmitir para o povo e o general doente não respeitou o isolamento.
  5. Só dessa turminha do voo deve ter umas 4 a 7 mil pessoas infectadas, que se espalharam por Brasília e o Brasil (eram políticos).
  6. Mas nem todos passam mal e vão se testar. Dos 7 mil, 3% vão morrer: então, aquele contágio de 25 iniciais vai matar mais de 210 pessoas.

 

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9961 1193.

 

Comentários

%d blogueiros gostam disto: