Líder indígena Mário Puyanawa morre por Covid-19

O patriarca dos índios Puyanawa, da Aldeia Barão, em Mâncio Lima, Mário Cordeiro de Lima, 77 anos, morreu vítima de Covid-19 na manhã deste sábado, 20, no Hospital do Juruá, em Cruzeiro do Sul.
Seu Mário, que foi o primeiro cacique da aldeia, era pai de Joel, o atual líder dos Puyanawa. A atuação dele foi fundamental para a demarcação das terras indígenas do Barão.
Ele estava internado há 14 dias na unidade hospitalar entre enfermaria e UTI, mas o quadro piorou e ele não resistiu, falecendo neste sábado. O corpo foi sepultado na ala Covid do cemitério Morada da Paz, em Cruzeiro do Sul. Ele deixa esposa e 8 filhos.
Há 3 dias, o índio Vicenti Puyanawa, de 22 anos, que também estava com coronavírus, teve alta e voltou para a aldeia. Vicenti e seu Mário haviam sido internados no mesmo dia.


Salve! Pra você que chegou até aqui, nossa gratidão! Agradecemos especialmente porque sua parceria fortalece  este nosso veículo de comunicação independente, dedicado a garantir um espaço de Resistência pra quem não tem  vez nem voz neste nosso injusto mundo de diferenças e desigualdades. Você pode apoiar nosso trabalho comprando um produto na nossa Loja Xapuri  ou fazendo uma doação de qualquer valor pelo PIX: contato@xapuri.info. Contamos com você! P.S. Segue nosso WhatsApp: 61 9 99611193, caso você queira falar conosco a qualquer hora, a qualquer dia. GRATIDÃO!


E-Book A Verdade Vencerá – Luiz Inácio Lula da Silva

Em entrevista aos jornalistas Juca Kfouri e Maria Inês Nassif, Lula expressa sua indignação com o massacre sofrido ante a farsa da Lava Jato. Imperdível!
COMPRE AQUI




 
 

continua depois da propaganda