No próximo dia 23/09, no Espaço Céu das Artes de Formosa, haverá apresentação do espetáculo Cordel do Sertão Alado, com o Coletivo Artístico Esses Nós.

Repleto de comicidade e musicalidade, o  Cordel do Sertão Alado é um espetáculo escrito, produzido e realizado por artistas brasilienses em  homenagem ao sertão, seu povo, seus costumes e seu bioma.
Cordel do Sertão Alado será apresentado no Espaço Céu das Artes, em Formosa, Goiás, no dia 23 de setembro. Haverá duas sessões: uma às 16h e outra às 19h, ambas com entrada franca e livres para todas as idades.
O musical “Cordel do Sertão Alado” é o resultado de um processo de pesquisa do Coletivo Artístico Esses Nós, elaborado, produzido e executado totalmente por acadêmicos dos vários segmentos das Artes.
Estudantes de Artes Cênicas, Artes Plásticas e Música, da Faculdade de Artes Dulcina de Moraes – FADM, da Universidade de Brasília – UnB, da Escola de Música de Brasília e Centro Universitário Clarentiano, se reúnem neste projeto que nasce como uma grande homenagem ao homem, à cultura, ao ambiente e, até mesmo, ao bioma sertanejo, presente no nosso imenso país-continente.
O texto, uma comédia-romântico-popular-quase-clichê, apresenta a cidade fictícia de Cabrobró num dia de quermesse, seus moradores e seus visitantes, revelando tipos bem característicos se relacionando em uma farsa envolvente e intrigante repleta de musicalidade.
O enredo acompanha, de forma lúdica e divertida, a história, repleta de elementos de representatividade sertaneja, de duas irmãs e seus amores impossíveis: o espontâneo e repentino relacionamento de Sabiá, um artista itinerante, e Sofrê, a filha do influente fazendeiro, que não quer casar-se; E o insistente caso de Carcará, o valentão e descendente prodígio de um Coronel, e a apaixonada Nambu.
O espetáculo traz músicas que relatam o cotidiano sertanejo por meio de suas letras. Já as coreografias estão embebidas da tradição junina, representando as quadrilhas, outro elemento fortemente relacionado à celebração sertaneja em nosso país.
Mais informações poderão ser encontradas na página do evento no Facebook:

About The Author

Eduardo Pereira

Produtor Cultural

Related Posts

Deixe uma resposta