Cordel do Sertão Alado no Céu das Artes

Repleto de comicidade e musicalidade, o  Cordel do Sertão Alado é um espetáculo escrito, produzido e realizado por artistas brasilienses em  homenagem ao sertão, seu povo, seus costumes e seu bioma.
 
Cordel do Sertão Alado será apresentado no Espaço Céu das Artes, em Formosa, Goiás, no dia 23 de setembro. Haverá duas sessões: uma às 16h e outra às 19h, ambas com entrada franca e livres para todas as idades.
 
 
 
O musical “Cordel do Sertão Alado” é o resultado de um processo de pesquisa do Coletivo Artístico Esses Nós, elaborado, produzido e executado totalmente por acadêmicos dos vários segmentos das Artes.
 
Estudantes de Artes Cênicas, Artes Plásticas e Música, da Faculdade de Artes Dulcina de Moraes – FADM, da Universidade de Brasília – UnB, da Escola de Música de Brasília e Centro Universitário Clarentiano, se reúnem neste projeto que nasce como uma grande homenagem ao homem, à cultura, ao ambiente e, até mesmo, ao bioma sertanejo, presente no nosso imenso país-continente.
 
 
O texto, uma comédia-romântico-popular-quase-clichê, apresenta a cidade fictícia de Cabrobró num dia de quermesse, seus moradores e seus visitantes, revelando tipos bem característicos se relacionando em uma farsa envolvente e intrigante repleta de musicalidade.
 
O enredo acompanha, de forma lúdica e divertida, a história, repleta de elementos de representatividade sertaneja, de duas irmãs e seus amores impossíveis: o espontâneo e repentino relacionamento de Sabiá, um artista itinerante, e Sofrê, a filha do influente fazendeiro, que não quer casar-se; E o insistente caso de Carcará, o valentão e descendente prodígio de um Coronel, e a apaixonada Nambu.
 
 
 
O espetáculo traz músicas que relatam o cotidiano sertanejo por meio de suas letras. Já as coreografias estão embebidas da tradição junina, representando as quadrilhas, outro elemento fortemente relacionado à celebração sertaneja em nosso país.
 
Mais informações poderão ser encontradas na página do evento no Facebook:
 
 
Salve! Pra você que chegou até aqui, nossa gratidão! Agradecemos especialmente porque sua parceria fortalece  este nosso veículo de comunicação independente, dedicado a garantir um espaço de Resistência pra quem não tem  vez nem voz neste nosso injusto mundo de diferenças e desigualdades. Você pode apoiar nosso trabalho comprando um produto na nossa Loja Xapuri  ou fazendo uma doação de qualquer valor pelo PIX: contato@xapuri.info. Contamos com você! P.S. Segue nosso WhatsApp: 61 9 99611193, caso você queira falar conosco a qualquer hora, a qualquer dia. GRATIDÃO!


Réquiem para o Cerrado – O Simbólico e o Real na Terra das Plantas Tortas

Uma linda e singela história do Cerrado. Em comovente narrativa, o professor Altair Sales nos leva à vida simples e feliz  no “jardim das plantas tortas” de um pacato  povoado  cerratense, interrompida pela devastação do Cerrado nesses tempos cruéis que nos toca viver nos dias de hoje. 
COMPRE AQUI

 

continua depois da propaganda