da última vez
meu coração sorrateiro
faz canção de bem-te-vi
e ao som de um bolero
no laço do teu abraço
vira flor de sabugueiro
cheiro de mato
capim bravo
com a sede do deserto
pede água chega perto
rodopia tem vertigem
tem inocência de virgem
recebe a ti todo
inteiro
(não desmaiei
eu morri)

Líria Porto

Fonte:  Notaterapia

 

Comentários

%d blogueiros gostam disto: