Por Zezé Weiss

Na Amazônia tem uma planta chamada “raiz de cobra” e do extrato dela se faz um fitoterápico para o combate da picada das peçonhentas, o Específico Pessoa. Usado pela população da floresta, a tintura serve para o tratamento da picada de picada de cobras, aranhas, escorpiões e taturanas. Tem gente que diz que é “mió de bão”. E tem gente que diz que é “coisa de picareta”. Coisas da floresta.

O fato é que o danado do Específico (esse nome, em homenagem ao médico Pessoa, que o criou, não é o máximo?) é assunto de gente grande em muitas partes do mundo. Até no Japão já tem pesquisa, algumas sugerindo precaução no uso, já que uns estudos mostram muita eficiência contra alguns venenos e outros mostram eficiência nenhuma contra os mesmos venenos.

Mas dizem os ribeirinhos que o que conta mesmo é a experiência. “Se o lagarto tiú briga com cobra, é picado e não morre porque rói a “raiz de cobra”, então é porque há de fazer algum efeito. Pode não ser tão perfeito como o soro antiofídico, mas que algum poder tem, lá isso tem. Já tem mais de 50 anos que esse remédio foi criado e que todo mundo toma, e se bem não faz, mal também não faz”, completam.

Por via das dúvidas, tem muita gente que antes de se embrenhar pela floresta segue o conselho de quem nela vive – antes de entrar na mata, toma um bom gole de Específico Pessoa, e ainda leva um outro tanto na mochila, mesmo com uma relatada pesquisa do Instituto Butantã dizendo que no caso da jararaca, responsável por 90% dos incidentes de picadas de cobra no Brasil, a tintura não mostrou eficiência.

A prática comum de quem anda em áreas de risco corrobora a informação de que, segundo algumas pesquisas, o famosíssimo Específico Pessoa, em cuja composição entra o extrato do tubérculo chamado cabeça-de-negro ou raiz de cobra, é provavelmente o remédio contra o veneno de animais peçonhentos mais produzido no Brasil.

Uma versão do produto é vendido em casas agropecuárias como composto P. Esser, fabricado em Santa Catarina, para a aplicação em animais como socorro imediato em caso de picada de cobra venenosa, sendo recomendada a visita imediata a um posto médico. Ou seja, na hora do sufoco, toma o Específico, mas corre atrás de mais socorro. Faz sentido!

E para achar o tal do Específico? Em farmácia é que não se encontra, já que a garrafada não tem registro na ANVISA. Além das feiras do Norte e Nordeste, o produto é encontrado à venda em vários sites da Internet. Muitos vêm com bula, e elas são cautelosas ao afirmar que o fitoterápico é indicado para os primeiros socorros em acidentes com animais peçonhentos.

Caso você conheça alguma outra história ou causo, ou algum outro estudo ou pesquisa sobre o Específico Pessoa, faça como  nossos vizinhos  jornalistas Thaís Maria Pires e Athos Pereira da Silva, que ficaram sabendo do Específico, acharam a pauta boa e nos repassaram: contato@xapuri.info

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9611 6826.  Camiseta Krenak

17 Responses

  1. Colibri Dourado Colibri

    La no Pará era só o que a gente tomava pra picada de cobra, escorpiao, aranha…Até pra dengue ele é bom. Meu irmão foi picado por uma jararaca e só tomou o Especifico. Ta vivinho da silva

    Responder
  2. Nelson Aurelio Spagnoli

    Queria saber se ele é bom para outros tipos de doença, ou é so para picadas de bichos peçonhentos

    Responder
  3. Nelson Aurelio Spagnoli

    Eu tenho a planta do específico, alguém sabe informar como faço o remedio?

    Responder
    • Lauren

      Está dizendo site não encontrado. Alguém tem algum contato ou outro site que eu possa comprar?

      Responder
      • Eduardo Pereira

        Não temos contato nem indicamos fornecedores, infelizmente.

      • Especifico Pessoa

        O site esta funcionando normalmente

  4. MARLEI BARROSO MARQUES CATTARIN

    Eu preciso de 2 vidros desse elixir pessoa…

    Responder
  5. Nelson

    Ja utilizei em cães boiadeiros picados de cobra. ” O da caixinha branca” é assim,: meio vidro oral e após uma hora a outra metade. Reservando um pouquinho para passar no local. Para uso para combate bicho geográfico usar no liclo afetado.

    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published.