fbpx

Zé Maria do Tomé: Ambientalista morto há 8 anos no Ceará é lembrado em ato contra impunidade

Por: midianinja

Zé Maria do Tomé, foi um agricultor que criou e liderou o movimento ambiental na chapada do Apodi CE. Uma das suas principais conquistas foi a implementação da lei no município de Limoeira do Norte que proibia a pulverização aérea de agrotóxico. As empresas não cumpriam.

As denúncias feitas por ele eram embasadas em inúmeras pesquisas acadêmicas, ações judiciais e procedimentos do Ministério Público (Estadual, Federal e Trabalhista).

Zé Maria passou a fazer denuncias de impacto internacional. Foi quando em 21 de Abril de 2010 o Ativista foi morto brutalmente com 20 tiros. Logo depois é revogada a lei municipal. Os principais suspeitos são pessoas envolvidas com o agronegócio.

O crime ainda permanece impune. Desde então, no dia que marca a data do seu assassinato, é realizado em Limoeiro do Norte a semana Zé Maria do Tomé – M 21, finalizando com uma romaria na localidade de Tomé.

Sua luta não foi em vão, em Janeiro de 2019 foi implementada a lei de autoria do Deputado Renato Roseno PSOL que proíbe a pulverização aérea de agrotóxico: A Lei Zé Maria do Tomé.

Fonte: http://midianinja.org/news/ambientalista-morto-ha-8-anos-no-ceara-e-lembrado-em-ato-contra-impunidade/

Block

 

Anúncios