“Vou libertar o país dessa quadrilha de milicianos”, diz Lula

No Festival Lula Livre, em Recife, líder petista defende a anulação dos processos que responde, aos quais chamou de “safadeza”, na Lava Jato

Sem desacelerar o discurso contra o governo de Jair Bolsonaro (PSL), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) prometeu lutar para livrar o Brasil da “quadrilha de milicianos que tomou o país”, expressão usada pelo petista. Ele disparou o ataque em discurso no Festival Lula Livre em Recife (PE). Tiraram de um cidadão de 74 anos 580 dias, trancado em uma prisão, enquanto a verdadeira quadrilha está solta por aí.

“Vocês podem ter certeza de que cada minuto que eu terei de vida daqui para frente será para libertar o país dessa quadrilha de milicianos”, cravou Lula. O petista também alfinetou o ex-juiz federal e hoje ministro de Justiça, Sergio Moro e o procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba.
 “Agora a campanha Lula Livre terá que ser muito maior. Agora é pela anulação da safadeza desses processos (da Lava Jato). Que apresentem provas contra mim. Eu adoraria. Eu adoraria que o Moro e o Dallagnol estivessem aqui. Para gente ver quem é safado nesse país”, desafiou.

“O show vai continuar. Na democracia, o show não pára”, brincou o petista. Durante o discurso, Lula fez questão de citar especialmente dois personagens: a socióloga Rosângela da Silva, de 52 anos, apelidada como Janja, e o ex-candidato ao Planalto em 2018 e ex-ministro da Educação, Fernando Haddad.

Janja apoiou Lula durantes os meses de prisão em Porto Alegre e recentemente deixou o emprego público em Itaipu, dentro de um Programa de Demissão Voluntária (PDV). O casal planeja se casar. O líder do PT não poupou elogios para Haddad. “Foi o melhor ministro da Educação que esse país já teve”, sentenciou.
Fonte: metropoles.com


Salve! Pra você que chegou até aqui, nossa gratidão! Agradecemos especialmente porque sua parceria fortalece  este nosso veículo de comunicação independente, dedicado a garantir um espaço de Resistência pra quem não tem  vez nem voz neste nosso injusto mundo de diferenças e desigualdades. Você pode apoiar nosso trabalho comprando um produto na nossa Loja Xapuri  ou fazendo uma doação de qualquer valor pelo PIX: contato@xapuri.info. Contamos com você! P.S. Segue nosso WhatsApp: 61 9 99611193, caso você queira falar conosco a qualquer hora, a qualquer dia. GRATIDÃO!
 

 E-Book Caminhando na Floresta

Um livro imperdível sobre a experiência do autor na convivência com os seringueiros do Vale do Acre nos tempos de Chico Mendes.
COMPRE AQUI

 

 
continua depois da propaganda