Dilma sobre Lula: é sempre muito difícil ver um inocente preso

Por Redação

Aqueles que visitam Lula na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, costumam relatar um sentimento de dor e esperança. A dor de ver Luiz Inácio Lula da Silva, maior liderança política do país, preso injustamente. E a esperança que ele transmite de que o Brasil vai voltar a caminhar nos rumos da justiça e da igualdade.

Nesta quinta-feira (11), esses sentimentos tão conflitantes foram descritos pela sua sucessora, a ex-presidenta  Dilma Rousseff, e pela escritora espanhola Pilar Del Río que estiveram com o ex-presidente ao longo da tarde.

Após a visita, Dilma questiona: “como o nosso país chegou ao ponto de prender uma pessoa inocente, desrespeitando todos os princípios civilizatórios que asseguram que todos são iguais perante a lei?”. E ressalta: “é muito difícil ver um inocente preso”.

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9611 6826. Camiseta Resistência

Comentários

%d blogueiros gostam disto: