Mensagem de Lula ao povo pobre do Brasil: Não desistam da Luta!

Do Brasil 247 – O padre Júlio Lancellotti, coordenador da Pastoral do Povo de Rua, visitou nesta segunda-feira 21 o ex-presidente Lula na Polícia Federal em Curitiba. Ele trouxe uma mensagem do ex-presidente, transmitida por ele no acampamento Lula Livre.

“Ele pediu que eu levasse uma mensagem para os moradores de rua, para os catadores e para os que estão no Largo do Paissandu acampados. Que ninguém desista da luta, porque nós temos que enfrentar todos os desafios que vêm pela frente”, reportou o padre.

“Saí fortalecido, recebi uma injeção de ânimo de alguém que está lúcido, consciente, firme. Que tem um papel histórico na defesa dos mais pobres”, contou ainda Lancellotti. Ele disse que rezou junto com o ex-presidente, quando pediram proteção.

“Levei para ele uma imagem da Santa Rita de Cássia, das causas impossíveis, porque amanhã é o dia dela. Pode parecer impossível, mas isso vai acabar”, concluiu.

Foto: Brasil 247

Do Paraná 247 – Mantido como preso político desde o dia 7 de abril na sede da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem recebido atenção e simpatia de policiais federais do local.

Um dos visitantes semanais que Lula recebe, além de seus advogados, relatou surpresa ao abrir a porta do aposento do quarto andar da Superintendência da PF, onde Lula, em pé, contava uma história a um policial que, sentado na beirada da cama do petista, ouvia com os olhos vidrados.

O quarto onde o petista vive não fica com a porta trancada. Mesmo assim, Lula só sai de lá para as duas horas de banho de sol, numa varanda do prédio. Os agentes entram sempre para levar a ele água gelada ou ouvir as histórias do ex-presidente.

Lula dedica boa parte do dia a escrever cartas. Coloca no papel sua avaliação sobre o país e recado a familiares. Entrega a papelada para os advogados, que depois distribuem para os destinatários.

Recebendo o apoio diário de militantes do acampamento Lula Livre, o ex-presidente rejeitou solicitar transferência da sede da PF para o Complexo Médico Penal de São José dos Pinhais. Lula também recusou-se a receber alimentos de fora da prisão, uma oferta dos familiares e dos advogados. O petista segue a mesma dieta dos outros presos da carceragem.

Comentários