Anúncios

Ada Colau enviou mensagem dura ao presidente brasileiro em postagem no Instagram no dia em que fez um ano do assassinato da vereadora carioca

Por: Taíza Brito  taizabrito

A prefeita de Barcelona, Ada Colau, se manifestou duramente hoje através do Instagram sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco, numa postagem direcionada ao presidente brasileiro Jair Bolsonaro: “Preste atenção Jair Bolsonaro, Marielle vai te tirar do poder que hoje usurpas com mentiras, morte, ameaças e crueldade”. A publicação foi feita no dia em que completa um ano do atentado no Rio de Janeiro, no qual também morreu o motorista Anderson Gomes, que dirigia o carro alvejado por uma chuva de tiros.

Postagem de Ada Colau no Instagram vem acompanhada de ilustração de Cristiano Siqueira do rosto de Marielle

Na postagem, Colau, que tem quase 31 mil seguidores na rede social, diz ainda: “Marielle somos todas. Marielle é nossa força e nossa determinação. Marielle é amor e o amor vencerá”, completando com a hastag #MariellePresente. A postagem vem acompanhada de uma ilustração de Cristiano Siqueira (@crisvector) do rosto de Marielle.

Muitos dos seguidores de Colau celebraram a postagem da prefeita. “Marielle vai derrotar a Bolsonaro. Não tenho dúvidas”, diz o internauta identificado como Bruno Bimbi. A brasileira Vanessa Matos escreveu: “Obrigada Ada Colau. Sou brasileira, mulher e muito feliz por viver em uma cidade como Barcelona”. O seguiidor Kelson Henrique disse: “Que grande eres prefeita. Minha admiração e respeito sempre”.

Ada Colau (@adacolauofficial) é oriunda dos movimentos sociais, tendo atuado numa plataforma que combate os despejos habitacionais provocados pela crise econômica na Espanha.

Em Barcelona, também houve manifestação do coletivo Brasileiras contra o fascismo, que rendeu homenagem Marielle e Anderson em ato realizado no centro da cidade. Ativistas de direitos humanos discursaram e foi divulgado um manifesto cobrando que a polícia brasileira chegue ao mandante do crime. No ato houve ainda apresentação de grupos de capoeira e apresentações musicais.

Fonte: taizabritomundoafora.ne

Taíza Brito -Jornalista pela Universidade Federal de Pernambuco. Posgraduada pela Universidade Autônoma de Barcelona (La Comunicación de los Conflictos y de la Paz) e Universidade Católica de Pernambuco (Jornalismo Político). Correspondente internacional freelance em Barcelona, onde também escreve o blog La Forastera (Vilaweb).

 

ANOTE:

Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Visite nossa Loja Solidária:  https://www.xapuri.info/loja-solidaria. Em Formosa, encomendas com Geovana: 61 9 9352 9191. Em Brasília, com Janaina: 61 9 9611 6826. 

“Quantos mais vão precisar morrer para que essa guerra acabe?” – Marielle Franco
Anúncios

3 Responses

  1. Cherles

    O caso de Meirele é algo a ser inverrigado sim, porém nosso presidente culpa nenhuma tem sobre o sangue derramo da moça, quem elegeu Bolsonaro foi a maioria da população q tava cansada de tanta robalheira, tanta impunidade no sistema político administrativo, executivo e legislativo, corrupção q não acabava mai. Por na cadeia quem realmente deveria estar e que fez e faz lavagem celebral na cabeça de pessoas descompromissada com nossa nação. Colocamos ele pelo menos p tentar mudar o sistema manipulado pela máfia guadrilha q o PT foi e é em nosso pais. Agora o que queremos é por os mandantes do ceime contra o presidente. Somos a maioria que presa pela familia e que tenta cumprir os mandamentos sagrados, contrário do que a culpula queria transfomar no povo. Escolhemos ele p que possa invertir o dinheiro nosso em nosso próprio pais, no qual é retirado a força de nossos bolsos como impostos exagerados.

    Responder
    • Eduardo Pereira

      No nosso site, publicamos a informação. Com relação à culpabilidade ou não, exceto as coincidências, que não são poucas, só a investigação vai decidir. Com relação ao crime contra o presidente, a polícia federal, subordinada ao presidetne, já declarou que Adélio Bispo agiu sozinho. Com relação à escolha, talvez tenham feito um bom negócio. Nós acreditamos o contrário. Quem planta violência, colhe corpos no chão. Quem contrata funcionário fantasma, não tem moral para fazer mudanças, quem agride mulher, não pode ser respeitado por elas.

      Responder
  2. Jalva

    Charles o que vc achou da proposta do Bolsonaro sobre a reforma da previdência, vc concorda em descontar por 40 anos a previdência para ter sua aposentadoria integral? Faca as contas! Vc concorda com o fim do ministério do trabalho?

    Responder

Comentários

X
%d blogueiros gostam disto:
preloader