Por Henda

Colha as flores e as folhas em dia seco, solarento e sem vento. Não as colha jamais em um dia chuvoso.

As flores devem ser colhidas mal se abram, para que seus princípios ativos sejam preservados.

Colha, antes do sol nascer, as flores que se abrem de dia e, depois de o sol deitar-se, as flores que se abrem à noite.

Depois de colhidas, lave-as rapidamente, para retirar-lhes qualquer sinal de poeira. Sacuda delicadamente os ramos, até eliminar a água. Amarre os galhos em pequenos molhos e dependure-os pelas hastes em lugar seco, deixando-os secar de 15 a 30 dias.

Pode, igualmente, espalhar as flores e as folhas sobre uma peneira de palha e guardá-las em lugar seco e sombrio, tendo o cuidado de agitá-las de quando em quando.

Em dias de sol, ponha as flores e as folhas a secar ao ar livre, recolhendo-as ao final do dia, para evitar o sereno da noite e o orvalho da manhã.

Quando totalmente secas, pique em pedacinhos.

Quanto às sementes, colha-as quando estiverem quase secas e deixe-as ao sol por mais ou menos 15 dias.

Flores, botões, folhas, sementes e raízes devem ser secados e guardados separadamente.

Guarde as plantas secas e picadas em vidros hermeticamente fechados e ponha-os ao abrigo da luz e da umidade.

Se observar qualquer sinal de umidade, leve flores, folhas e sementes a secar por mais tempo.

Henda – Escritora, em Segredos de Tias e Flores. Editora Relume & Dumará, 1994.

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 9961 1193.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: