Saiba por que Bolsonaro teme a manifestação Antifas de domingo

O presidente Jair Bolsonaro acionou o botão de desespero na live desta quinta-feira, dia 4, jurando que não é fascista e excomungando o movimento Antifas — que combate os fascistas em todo o mundo.

Desde o dia de ontem, sem parar, Bolsonaro tem lutado para criminalizar a manifestação democrática deste domingo (9) convocada pelos Antifas e organizações populares.

O presidente da República desconfia que essa movimentação pode dar o pontapé na sua remoção do cargo, ou pelo impeachment ou pela cassação da chapa no TSE.

Sabendo que sua batata está assando, Bolsonaro convocou em Palácio do Planalto, esta tarde, pastores evangélicos para orarem.

Mais uma vez, Jair Bolsonaro ameaçou reprimir os Antifas. Não poupou adjetivos para criminalizá-los: black blocs, maconheiros, marginais, etc. Só não chamou o pessoal antifascista de Santos.

A pauta do presidente Jair Bolsonaro, nas últimas horas, tem sido para desmobilizar o movimento de domingo.

E se o tiro sair pela culatra?

Fonte: Blog do Esmael

Nota da Redação: Xawara, segundo o povo Yanomomi, é aquele que em o pensamento doente.

Salve! Este site é mantido com a venda de nossas camisetas. É também com a venda de camisetas que apoiamos a luta do Comitê Chico Mendes, no Acre, e a do povo indígena Krenak, em Minas Gerais. Ao comprar uma delas, você fortalece um veículo de comunicação independente, você investe na Resistência. Comprando duas, seu frete sai grátis para qualquer lugar do Brasil. Visite nossa Loja Solidária, ou fale conosco via WhatsApp: 61 9 99611193

Comentários

%d blogueiros gostam disto: