Folclore: Nossa brasileiríssima diversidade sobrevive

Folclore: Nossa brasileirísima  diversidade sobrevive – Por Jaime Sautchuk – Se você já acordou alguma noite com a consciência intacta, mas sem conseguir falar ou se mover, não tenha dúvidas, foi a Pisadeira que veio lhe paralisar. Magra, alta, rosto tenebroso, com nariz alongado e olhos vermelhos, unhas compridas e pontiagudas, ela desceu do telhado …

Folclore: Nossa brasileiríssima diversidade sobrevive Leia mais »